quinta-feira, 15 de maio de 2014

ressaca

Ressaca

a relação da ressaca com os entorpecentes é tal
que antes alguma coisa que parecia e era, ou era, ou apenas parecia boa
estremece no final

 a ressaca do corpo
que abusa do álcool
é o engodo da cabeça para o mau-humor

a ressaca do mar é assim também
e depois de tantos dias chovendo
o mar termina bravo

a ressaca do coração
é daquele que ama demais
e que logo se irrita, fazendo-se desilusão

a ressaca
é um efeito malévolo de que se sofre
quando se ama, se bebe e se chove

a felicidade é ainda possível nesse estado
porque de ressaca a gente se dói
mas de ressaca a gente não morre

e que coisa é essa que me incomoda
um calafrio no peito de imaginar toda tarde de céu
em que o mar transborda.

Nenhum comentário:

Postar um comentário